sábado, junho 28, 2008

Ainda é São João...




O São João já lá vai mas depois de ver
um blogue sobre o evento muito bom, fiquei com vontade de fazer qualquer coisinha sobre o assunto. É a brincar.O blogue bom é a sério. Tenho uma visão do S. João diferente dum citadino,certamente,porque sou periférico e não vivo tão intensamente como os da cidade os festejos. Mas conheço bem a festa , o seu sentido e abrangência. Era um participante comportado e observador. E o que retenho disso era a atitude fina e amável de quase toda a gente e que vertia simpatia e graça;
As cascatas eram um encantamento pelo que se via e imaginava em trabalho e engenho na preparação de tudo aquilo. Cheguei a conhecer uma cascata que, além da muita côr, era toda animada de movimentos. E emocionava --me a modéstia do seu artífice. Elas transportam-me ao meu tempo de menino quando, com meus irmãos, fazia as minhas. Às vezes engraçadas com alguns movimentos.E o chafariz com o bogalhinho equilibrado a saltitar era sempre a cereja no topo do bolo;
A festa tem música que sendo popular, como dizem, toma uma graça diferente do que quando tocada noutros cenários;
O fogo a que chamam queimar dinheiro , nesse dia é dinheiro bem queimado;
Agora as quadras populares que mantêm a vivacidade e já com 80 anos. Às vezes atrevo-me a discordar ( imaginem ) das classificações. Por isso é que de duas vezes que concorri não ganhei nada e é bem feito. Mas tomo a atitude dos"treinadores de bancada" que fora das funções sabem tudo que é mister dos eruditos. Não ter opinião também não seria bom e assim faz-se algum exercício. Este ano só tem quadras bonitas ( para o meu gosto, sublinhe-se ). Eu gosto de dizer bem mas acho que desta vêz não estou a exagerar. São mesmo bonitas. A 1ª, além de bonita , é muito brejeira, como se impõe. Se alguém não leu tenha paciência mas vou colocá-la aqui:
"Quando a Maria bailar
Com a saia de balão
Até as núvens do ar
Querem ser pedras do chão"
(Peixoné)
Este ano o treinador de bancada não tem reparos a fazer mas deixem-me colocar esta que vai mais ao meu gosto e foi 4ª classificada:
"São João é comovente
Sentirmos, nessa noitada,
Que há sonhos de humilde gente
Em balões cheios de nada"
(Ex Corde)
E acabei por fazer a minha classificação: Para todas elas o 1º lugar ex aequo.
E assim vou terminar ,com os ricos versos , a minha pobre prosa.
Só não quero terminar sem confessar que esta graça festiva me é cara porque no fundo homenageia um santo que é infinitamente mais do que uma festa popular.
Se não me faltar o "engenho e a arte", como dizia o Luis, um dia destes vou atrever-me a falar um pouco mais de S.João.
Falar do que todos bem conhecem mas para mim ficará o exercício. E como "os pensamentos e as palavras são de graça",como uma pessoa amiga me dizia há dias, só espero que tenham paciência.
As fotos não são minhas. Foram "roubadas" na Wikipédia com a conivência do Santo.
Melhores Saudações.
G.F.


2 comentários:

Lu disse...

Colega
Acabei agora mesmo de espreitar o seu blog e fiquei tão agradávelmente surpreendida, não posso deixar de lhe dizer já que gostei tanto! Os meus parabéns e como sempre muito nível...Muito grata pela motivação que sempre me dá. Cumprimentos.
Lu

Elisete disse...

Passei para conhecer e gostei muito. Parabéns.